Central de Atendimento

0800 643 0320

Email

contato@imobiliarianovacapital.com.br

8 Dicas Indispensáveis para Decoração de Jardim Pequeno

8 Dicas Indispensáveis para Decoração de Jardim Pequeno

Ter um jardim bonito costuma ser um dos sonhos de consumo de muita gente que se interessa por decoração ou simplesmente por quem gosta de cuidar de plantas e ter um espaço para relaxar. O problema é que nem sempre o espaço colabora. Nesses dias em que os lares e espaços de convívio estão cada vez menores, ter uma área verde em casa ou na empresa acaba se tornando um desafio cada dia mais complicado de lidar. Mas não é pra desanimar, ter um jardim pequeno não é uma missão impossível, e vamos te mostrar isso neste post. 

More você em casa ou apartamento, com ou sem quintal, é perfeitamente possível ter um jardim pequeno. Prova disso é que existem diversas possibilidades para montar o seu. Vem comigo.

Ideias para decorar um jardim pequeno
Quer dicas de decoração para um jardim pequeno? Então aqui temos conselhos importantes para ajudar nessa empreitada:

1 – Ideias para decorar jardim pequeno: Planeje-se
Ok, o primeiro passo para montagem e decoração do seu jardim pequeno é o planejamento. Isso porque você precisa ter em mente o espaço disponível e as possibilidades de iluminação. São esses passos que determinarão o tipo de jardim possível e também quais os tipos de plantas que melhor se adaptam ao local.

A respeito do local, seu jardim deverá ter acesso a alguma luminosidade já que mesmo as plantas localizadas em área interna e sem exposição direta ao sol precisam da luz para garantir sua sobrevivência. Portanto elas devem no mínimo estar próximas a janelas ou portas com boa iluminação. Outra coisa que deixa a manutenção mais prática é ter um ponto de dreno por perto (ralo) e uma torneira.

Com isso decidido você poderá pensar em outros aspectos, como o tamanho da área em si. Isso é fundamental para pensar no tamanho das plantas escolhidas. Se for um local de circulação, por exemplo, é preciso priorizar o espaço destinado às pessoas, então as espécies não deverão atrapalhar o caminho. Se for uma área com exposição a vento, elas devem oferecer uma certa resistência em seu caule e assim por diante. Com esse tipo de informação em mãos já é possível pensar em outros itens.

2 – Escolha as plantas para seu jardim pequeno
A escolha das plantas é o segundo passo importante. Pode não parecer vital na decoração do espaço, mas tem tudo a ver com o assunto já que a aparência final dependerá diretamente dessa escolha. Nesse caso é preciso ver o que é mais adequado de acordo com oferta de luminosidade do local e também ao uso que ela terá. Outro ponto importante a ser considerado é a frequência com a qual você pode cuidar desse jardim pequeno, já que ele exigirá no mínimo a rega e alguma manutenção.

Alguns critérios para a escolha: adaptação à luz disponível, nível de crescimento da espécie, manutenção, durabilidade e características básicas da planta em si.

Plantas de meia-sombra costumam ser mais interessantes para quem deseja fazer um jardim de inverno e já são velhas conhecidas de quem gosta de decorar pois são bastante utilizadas para decoração de interiores: samambaias, ráfia, pata de elefante, antúrio, lança de São Jorge, columélia, lírio da paz e outros.

Jardins pequeno na vertical é preciso pensar no tipo de suporte utilizado e a exposição das plantas a luminosidade. Suportes com blocos e vasos de cerâmica não tão profundos precisam de plantas com raízes mais superficiais (dinheiro-em-penca, lambari-roxo, peperômia etc). Já os suportes de blocos de concreto pré-moldado permitem o uso de barba de serpente e aspargo-pendente. Os quadros-vivos tem como indicação o uso de pingo de ouro, bromélias, orquídeas, begônia, chifre-de-veado e outros.

3 – Use móveis
Certo, pode ser que você não tenha lá muito espaço, mas mesmo em jardins pequenos muitas vezes é possível investir em móveis simples, como cadeiras, mesas ou bancos.

Madeira de demolição, por exemplo é um ótimo material para móveis colocados em jardim já que são capazes de se adequar com perfeição ao clima de um jardim de inverno ou vertical localizado em uma varanda, sacada ou terraço. Mas você pode utilizar móveis em outros materiais caso queira e tenha condições de cuidar da sua manutenção caso ela fique em local externo.

Dependendo do espaço disponível e da localização do jardim vale até mesmo colocar almofadas. É um cantinho bem aconchegante e pode ser um ótimo lugar para relaxar das tensões do dia-a-dia.

4 – Pedras, uma bela ideia para um jardim pequeno
O uso de seixos, pedras e cascalhos são dos recursos mais utilizados, seja para a simples decoração dos jardins comuns ou cimentados, sendo utilizados como forração seca.

Seixos e pedras normalmente são utilizadas na formação de bordas decorativas e caminhos paisagísticos, o que rende um visual incrível. O cascalho é mais rústico, e associados, o resultado é uma aparência reconfortante. Vai muito bem em ambientes comerciais, caso a ideia seja um jardim de inverno.

5 – Invista em vasos decorativos
Decorar o jardim com vasos é algo que já é de praxe. No caso dos jardins pequenos ou cimentados, em ambientes internos ou externos, eles são praticamente indispensáveis.

Nesse caso vale tudo. Seja para plantas pequenas ou de maior porte, você pode utilizá-las de diversas maneiras. Como estamos falando em objetos super versáteis, é possível misturar tamanhos, estilos, cores e texturas, formando um conjunto interessante e divertido de se ver.

Quer uma boa dica na hora de decidir pelo estilo dos vasinhos? Então o melhor conselho é fazer aquilo que pensamos quando se trata de decoração: tenha em mente o estilo desejado para o jardim e escolha algo que esteja em harmonia. O mesmo vale na hora de misturar tamanhos e cores: desde que haja um elemento de liga que mantenha a tendência, esse mix sempre será válido e dificilmente dará errado.    

6 – Invista em decks
Não é de hoje que os decks fazem sucesso na decoração, e o jardim não é uma exceção. Parece algo simples, mas o efeito é algo bem interessante, em especial para quem deseja um jardim com um clima rústico.

Você pode encontrá-lo pronto e disponível em lojas especializadas e apenas montá-lo da forma desejada, servindo tanto para os jardins comuns quanto os verticais. Assim como seixos, cascalhos e revestimento para jardins cimentados, decks também vão muito bem em ambientes comerciais.

7 – Capriche na iluminação
A iluminação também pode fazer uma grande diferença na decoração de jardim pequeno. Os jardins de inverno então são os mais valorizados pelo recurso já que os focos de luz trazem a sensação de aconchego e intimidade. A boa iluminação dos jardins e espaços verdes também são fundamentais em espaços como shopping e locais públicos de funcionamento noturno. Para festas no jardim a iluminação também faz a diferença então é uma preocupação válida.

Algumas sugestões boas para não fazer feio nesse quesito é o investimento em spots de alumínio disponíveis no chão, sendo que eles podem ter seu foco direcionados para as paredes do jardim pequeno ou nas plantas. As andarelas também são recursos muito interessantes, bem como o uso de lanternas decorativas. O efeito é incrível!

8 – Use material reciclado
Para quem gosta de algo mais voltado para o artesanal ou gosta de reaproveitar itens que poderiam acabar indo para o lixo, utilizar itens reaproveitados para decoração de jardim pequeno é um verdadeiro achado.

Estamos falando em garrafas pet, botinas infantis, xícaras, chaleiras e canecas, além de pneus, sendo estes apenas alguns dos itens que podem ganhar nova utilidade diante das possibilidades oferecidas por um jardim.

Certo, nós sabemos que o resultado pode não ser a aparência que é considerada chique ou sofisticada pela maioria, mas se você gosta, pouco importa o que outros acham. O efeito é bem interessante. É um recurso válido especialmente para jardins domésticos.

Dica bônus: Cuide da manutenção
Essa dica é uma das mais importantes: de nada adianta contar com mil e um recursos de decoração se o jardim pequeno não for cuidado. Regar, podar e adubar são cuidados básicos e que fazem toda a diferença para obter um bom resultado final, portanto não negligencie essas tarefas.

Ter um jardim pequeno em casa pode não ser uma missão impossível, mas por menor que seja o seu tamanho, exige o mínimo de tempo e capricho para manter tudo em ordem. Sendo assim, planeje-se desde cedo e faça valer seu gosto para manter tudo em ordem.

Fonte: Cerâmica burguina

Compartilhe:

Baixe Aplicativo

Nova Capital

Cadastre seu Celular


Cadastre seu email